Área de Concentração

Descrição:
A integração das disciplinas de Imunologia e Parasitologia possibilitou a formação de uma única área de concentração: Imunologia e Parasitologia Aplicadas.

Linhas de Pesquisa:

1) Imunologia e Biologia Celular de Patógenos Causadores de Doenças Infecciosas e Parasitárias

Descrição:
Estudar as infecções bacterianas, virais e fúngicas, com ênfase em uma abordagem interdisciplinar.

Projetos vinculados a esta linha:
 

  • Biologia celular e molecular aplicadas à helmintologia;
  • Caracterização do comportamento das células  trofoblásticas frente a transmissão congênita do Toxoplasma gondii;
  • Formação do núcleo de estudos sobre toxoplasmose congênita e adquirida em modelos experimentais na região do Triângulo Mineiro;
  • Identificação e caracterização dos epitopos A3A4 e A4D12 em formas taquizoítas de Toxoplasma gondii;
  • Participação funcional do fator de inibição da migração de mcrófago (MIF) e outras citocinas em trofoblasto humano infectado por Toxoplasma  gondii:estudo in vitro em linhagem de coriocarcinoma humano (BeWo) e explantes de placentas.


2) Métodos Diagnósticos em Doenças Infecciosas e Parasitárias

Descrição:
Análise da interação dos agentes infecciosos e parasitários com as células hospedeiras e a indução da resposta imune
dos organismos infectados.

Projetos vinculados a esta linha:
 

  • Anticorpos IgG espécie-específicos anti Neospora caninum em diferentes grupos de paciente imunodeprimidos;
  • Diagnóstico laboratorial da cisticercose humana e veterinária;
  • Diagnóstico laboratorial da estrongiloidíase;
  • Diagnóstico molecular das Leishmanioses;
  • Diagnóstico, soroepidemiologia e controle de Toxoplasma gondii e  Neospora caninum;
  • Helmintos e protozoários de interesse médico e médico veterinário;
  • Neosporose bovina: produção de anticorpos monoclonais e mimetopos de formas taquizoítas de Neospora caninum e sua validação em métodos de diagnóstico laboratorial;
  • Otimização de imunoensaios aplicados em gestantes e recém-nascidos suspeitos de infecção recente por  Toxoplasma gondii;
  • Toxoplasmose congênita na adolescente gestante: estudo do índice de vulnerabilidade, dos fatores de risco e das formas de intervenção;
  • Toxoplasmose congênita: correlação dos testes sorológicos com os dados clínicos dos pacientes atendidos nos Serviços de Neonatologia, Ginecologia e Obstetrícia do Hospital de Clínicas de Uberlândia ? MG.

3) Imunopatologia e alergia

Descrição:
Estudar os mecanismos de lesão tecidual pela resposta imune, bem como da reatividade frente a agentes alergênicos,
como extratos e peptídeos parasitários, alimentares, inalantes, drogas, venenos, visando desenvolver métodos
imunopatogênicos, imunodiagnóstico.

Projetos vinculados a esta linha:
 

  • Análise da participação de lectinas em processos infecciosos e alérgicos;
  • Ecologia e epidemiologia de vetores e outros transmissores de doenças infecciosas e parasitárias;
  • Efeito in vitro do sistema obturador epiphany-resilon sobre cultura de células imortalizadas;
  • Estudo histopatológico dos processos infecciosos, parasitários e crônico-degenerativos;
  • Exposição e sensibilização a antígenos de ácaros e outros alergenos em pacientes atópicos;
  • Interações celulares no processo de osteogênese in vitro;


4) Epidemiologia e Controle das Doenças Infecciosas e Parasitárias

Descrição:
Desenvolver métodos de identificação de agentes etiológicos e os produtos da resposta imune dos hospedeiros,
visando estabelecer o diagnóstico de doenças infecciosas e parasitárias e caracterizar as alterações anátomo-patológicas resultantes. Estudar a dinâmica do fenômeno da multi-resistência a drogas em microorganismos e sua adequação na prática hospitalar.

Projetos vinculados a esta linha:
 

  • Avaliação da heterogeneidade e patogenicidade de cepas de Leishmania isoladas de pacientes do Triângulo Mineiro;
  • Diagnóstico e soroepidemiologia da dengue no município de Uberlândia;
  • Ecologia e epidemiologia de vetores e outros transmissores de doenças infecciosas e parasitárias;
  • Estudo das infecções bacterianas,  virais e fúngicas;
  • Estudo de infecções por vírus respiratórios;
  • Higiene hospitalar: importância da higiene das mãos limpeza e desinfecção de ambiente;
  • Infecção em pacientes criticos adultos e neonatos: microorganismos, fatores de risco e aspectos epidemiológicos;
  • Insetos de importância forense na região de Uberlândia. Diversidade e Biologia;
  • Pesquisa de Influenzavírus em espécimes de crianças com doença respiratória aguda, atendidas em Uberlândia, MG;